Evangelho do Dia: 24/02

Tempo de leitura: 5 minutos

João 12,44-50
44. Entretanto, Jesus exclamou em voz alta: Aquele que crê em mim, crê não em mim, mas naquele que me enviou;
45. e aquele que me vê, vê aquele que me enviou.
46. Eu vim como luz ao mundo; assim, todo aquele que crer em mim não ficará nas trevas.
47. Se alguém ouve as minhas palavras e não as guarda, eu não o condenarei, porque não vim para condenar o mundo, mas para salvá-lo.
48. Quem me despreza e não recebe as minhas palavras, tem quem o julgue; a palavra que anunciei julgá-lo-á no último dia.
49. Em verdade, não falei por mim mesmo, mas o Pai, que me enviou, ele mesmo me prescreveu o que devo dizer e o que devo ensinar.
50. E sei que o seu mandamento é vida eterna. Portanto, o que digo, digo-o segundo me falou o Pai.

Comentário:
Crer em Jesus.
O relato de hoje é a conclusão de primeira parte do evangelho de João. Essa primeira parte mostra como as palavras e as ações de Jesus revelam quem é Deus, de modo a compreender que aderir a Jesus é aceitar ao Pai que o enviou. E, por outro lado, rejeitar Jesus é rejeitar a Luz, a Vida – que é o próprio Deus.
Jesus diz que veio para salvar o mundo e não para julgá-lo, pois aqueles que o rejeitarem serão julgados pelas suas palavras. O homem será julgado de acordo com a atitude que tomou diante daquele que Jesus nos revelou, ou seja, diante de sua Palavra.
A Palavra de Jesus é a salvação para aqueles que o seguem, e julgamento para aqueles que o rejeitam. É mais do que a palavra de um sábio, profeta ou líder, é a Palavra de Deus.

* Comentário retirado do Diário Bíblico 2013 da Editora Ave Maria.

Comentários no Facebook